YouTube bloqueia picture-in-picture do iOS 14, exceto em contas premium

Um dos melhores recursos do iOS 14 é o modo picture-in-picture, que permite assistir a um vídeo em uma pequena janela enquanto faz outras coisas no smartphone. Isso pode ser útil para acompanhar um vídeo do YouTube no Safari ao mesmo tempo em que conversa com seus amigos, por exemplo. No entanto, a alegria durou pouco. Parece que o YouTube fez algo que impede os vídeos de serem reproduzidos no modo PiP – a menos que você pague a assinatura premium.

Um dos melhores recursos do iOS 14 é o modo picture-in-picture, que permite assistir a um vídeo em uma pequena janela enquanto faz outras coisas no smartphone. Isso pode ser útil para acompanhar um vídeo do YouTube no Safari ao mesmo tempo em que conversa com seus amigos, por exemplo. No entanto, a alegria durou pouco. Parece que o YouTube fez algo que impede os vídeos de serem reproduzidos no modo PiP – a menos que você pague a assinatura premium.

Curiosamente, isso acontece apenas no próprio site do YouTube. O MacRumors observou que você consegue usar o modo picture-in-picture para assistir a vídeos embutidos em outro site. Agora, se você tiver o YouTube Premium, o modo PiP funciona normalmente. Durante os testes da versão beta e até mesmo nos primeiros dias após o lançamento do iOS 14, o recurso funcionava conforme o esperado.

O picture-in-picture ainda funciona com vídeos do YouTube no Safari se você estiver usando um iPad, independentemente de sua conta ser premium ou gratuita, o que deixa a situação ainda mais estranha.

Não está claro se isso é um bug ou se a funcionalidade foi removida intencionalmente pela plataforma. Em seu aplicativo, o YouTube apenas permite reproduzir vídeos em segundo plano caso você seja um assinante do YouTube Premium. Considerando isso, parece plausível pensar que a plataforma queira restringir o modo picture-in-picture apenas para seus usuários pagantes.

Procurados pelo The Verge, tanto a Apple quanto o Google mantiveram o silêncio.

Fonte: Olhar Digital

Postado em 18 de setembro de 2020