Chrome 88 mata FTP, Flash e quer tornar senhas mais seguras

O Google começou a liberar ontem, para todos os usuários do Chrome, a versão 88 do navegador.

Desde o Chrome 77, o recurso de FTP do navegador (para acessar URLs ftp://) já vinha desabilitado por padrão mas ainda podia ser reativado manualmente. Agora, no 88, ele foi removido de vez — junto, claro, ao Flash Player que morreu há algumas semanas.

A partir dessa nova versão, o Google também orientará usuários a usar senhas fortes/únicas em seus logins da web e traz uma nova interface melhorada para gerenciamento das senhas salvas dentro do Chrome.

O Google também está expandindo os testes de um novo recurso que facilitará buscar por conteúdos dentro de abas abertas, que pode ser habilitado manualmente em chrome://flags/#enable-tab-search, e também no suporte nativo ao modo escuro dentro de sites.

Ademais, o Chrome 88 traz outras melhorias e uma série de correções de segurança; mais detalhes podem ser conferidos no Chromium Blog e no vídeo abaixo, destinado a desenvolvedores.

Ele está disponível para macOS (requer o OS X 10.11 El Capitan, a partir de agora), Windows e Linux. Nada foi dito, porém, sobre o sério problema de consumo de CPU em Macs por parte do seu updater…

Fonte: MacMagazine

Postado em 20 de janeiro de 2021